Zero Trust: 4 princípios da Microsoft para oferecer segurança a todos

Dê suporte aos que estão trabalhando de forma remota oferecendo acesso mais seguro a recursos corporativos por meio de avaliação contínua. Saiba mais sobre Zero Trust

maximiza-zero-trust-01

Conforme o mundo avança, se torna uma luta para empresas e organizações de todos os tamanhos, setores público e privado manterem a segurança em dia.

Foi pensando nisso que surgiu a abordagem de um modelo chamado Zero Trust, que se baseia na premissa de que o acesso aos recursos corporativos devem ser verificados continuamente. O Zero Trust abrange todos os tipos de ameaças – tanto as de fora para dentro quanto as de dentro para fora da corporação.

Empresas como a Microsoft, por exemplo, através de diversas abordagens, integram segurança, conformidade, identidade e gerenciamento como um todo, interdependente e estendem essa proteção a todos os dados, dispositivos, identidades, plataformas e nuvens – sejam esses itens da própria Microsoft ou não.

O QUE É ZERO TRUST?

O modelo Zero Trust de segurança de TI quer dizer que ninguém é confiável por padrão, estando dentro ou fora de uma rede corporativa. A verificação constante, neste modelo, é a única forma de prevenção aos ataques cibernéticos por parte de qualquer organização. Isso significa que nenhum dispositivo, usuário ou aplicativo que tente acessar sua arquitetura pode ser considerado seguro.

O Zero Trust permite que uma força de trabalho se conecte com segurança aos recursos da empresa de praticamente qualquer lugar. Tudo é examinado antes e as empresas podem usar controles rígidos e granulares para especificar o nível de acesso, estejam os dispositivos conectados a uma rede corporativa, em casa ou em outro espaço, por exemplo.

Hoje falaremos sobre os pontos importantes para gerenciar e proteger melhor todos os recursos da empresa:

1. Identidade: O ponto de partida da abordagem Zero Trust

No mundo de hoje, com o desaparecimento dos perímetros da rede corporativa, a identidade é a primeira linha de defesa que devemos considerar. Embora cada jornada Zero Trust seja única, nossa recomendação é começar com uma base sólida de identidade na nuvem. Toda solicitação de acesso é totalmente autenticada, autorizada e criptografada antes de conceder o acesso. As etapas mais fundamentais, como autenticação forte, proteção de credenciais do usuário e proteção de dispositivos, são as mais essenciais.

Azure Active Directory (Azure AD), a solução de identidade empresarial em nuvem, pode ajudá-lo em sua jornada Zero Trust, já que elimina as autenticações com senha (um dos elos mais fracos em segurança hoje), e agora permite entrar com biometria ou um toque usando chaves de segurança compatível de parceiros. São diversas credenciais verificáveis para facilitar que as organizações confirmem as informações, melhorando assim a segurança e a privacidade contra 99,9% dos ataques de segurança.

2. Segurança: Simplificar o conjunto de ferramentas de supor “violação”

Alguns fornecedores oferecem proteção de endpoint ou de e-mail, enquanto outros fornecem ferramentas de gerenciamento de informações e eventos de segurança (SIEM), e integrar essas peças pode ser um desafio. A Microsoft adota uma abordagem que combina as melhores ferramentas SIEM e detecção e resposta estendida (XDR) desenvolvidas na nuvem para melhorar postura, proteção e resposta, minimizando o raio do impacto das violações e evitando o movimento lateral, segmentando o acesso pela rede, usuário, dispositivos e reconhecimento de aplicativos. Isso oferece o melhor da categoria das soluções integradas, para que você não precise se comprometer.

Por isso, agora, no Microsoft Defender para Endpoint e Defender paraOffice 365, os clientes podem investigar e remediar ameaças do portal. São alertas unificados, páginas de usuário e investigação para análises profundas e automatizadas e visualização simples, onde todas as sessões são criptografadas de ponta a ponta. Você pode usar as análises para obter visibilidade, gerar a detecção de ameaças e melhorar as defesas.

maximiza-zero-trust-02

3. Conformidade: Proteção de dentro para fora

Já quando falamos em conformidade, o Zero Trust não aparece apenas como a prática de proteção contra ameaças de fora para dentro, mas também de dentro para fora. Abordar a área de compliance inclui gerenciamento de riscos relacionados a dados. E isso não é apenas os dados armazenados na nuvem da Microsoft, mas em toda a amplitude de nuvens e plataformas que você usa. Como dissemos anteriormente, a plataforma estende os recursos a terceiros para ajudá-lo a reduzir o risco em todo o seu patrimônio digital.

Isso permite, por exemplo, que vários usuários trabalhem simultaneamente em documentos, aproveitando as vantagens da proteção inteligente, unificada e extensível para documentos e emails em aplicativos do Microsoft 365 através do Microsoft Information Protection; que se possa identificar atividades de risco interno em potencial dentro de uma organização e ajudar a informar as configurações de política; que se faça uma prevenção contra perda de dados (DLP) para navegadores Chrome e ambientes baseados em servidor local, como compartilhamentos de arquivos e SharePoint Server, além de permitir que você aplique os mesmos rótulos de sensibilidade definidos no Centro de Conformidade do Microsoft 365 para dados que residem em outras nuvens ou no local. 

4. Habilidade: Potencialize seu futuro por meio das habilidades de segurança

Com a pandemia, o mercado ficou com uma lacuna e um déficit estimado de 3,5 milhões de profissionais habilitados em segurança em 2021. Por isso, essa é uma maneira fácil de se manter atualizado no meio de complexos ataques de segurança. A Microsoft tem quatro novas certificações de segurança, conformidade e identidade adaptadas às funções e necessidades, e a Maximiza está a disposição para ajudar a encontrar a solução relevante para suas necessidades. Use a inteligência para classificar e rotular os dados. Criptografe e restrinja o acesso com base nas políticas organizacionais.

Estamos comprometidos em ajudar as empresas nesse momento a construir uma jornada mais segura para todos! Assim, fornecemos soluções de ponta a ponta que podem ajudar a fechar a lacuna dos ataques e mudanças comportamentais dos usuários que cada empresa enfrenta hoje.

Tem dúvidas? Quer saber como a Maximiza pode te ajudar com a instalação Zero Trust na sua empresa? Entre em contato conosco!

Fonte: Microsoft


Redação Maximiza